Cenário

>

Remada

A remada é a técnica mais importante na canoagem velocidade. No caiaque (K-), os atletas remam sentados e o convés da embarcação é fechado. O remo utilizado pelos caiaquistas possui duas pás com uma angulação entre elas. Nesse tipo de embarcação, a remada se caracteriza por ser um movimento bilateral, cíclico e simétrico. O ciclo da remada divide-se em quatro fases: ataque, tração, saída e recuperação. O movimento da remada na canoa (C-) se caracteriza primeiramente pela assimetria e é realizado com o atleta apoiado em um dos joelhos sobre esse bloco. Denomina-se remada J a técnica em deslocar o barco empregando a força somente em um dos lados da embarcação. Para essas embarcações, não é permitido o uso de leme, o que obriga o praticante a realizar uma técnica de direcionamento de sua embarcação utilizando o remo. Diferentemente do caiaque, o convés da canoa é aberto e o remo utilizado possui somente uma pá.
CANOAGEM BRASILEIRA - CBCa - FLICKR