Cenário

>

Impulsão e Aterrissagem

A impulsão é o momento em que o ginasta usa a elasticidade da tela do trampolim para se projetar verticalmente no ar. Ele realiza a acrobacia e volta a ter contato com o trampolim, usando diferentes tipos de aterrissagem. As fases de aterrissagem e impulsão marcam a passagem entre os elementos da série. A própria aterrissagem é o que dá origem à impulsão do ginasta no trampolim para o salto seguinte.  A aterrissagem pode ser feita com ambos os pés, de costas e nas posições frontal e sentada. Geralmente, nas séries da ginástica de trampolim profissional, a mais utilizada é a com os dois pés: dentre os tipos de aterrissagem possível, ela permite maior impulsão para o próximo salto, dando mais altura para o ginasta e, consequentemente, maior tempo de voo. 
MARK AA440 - FLICKR