Cenário

>

Interrupção

Durante a execução da série, algumas situações previstas nas regras da modalidade podem fazer com que o ginasta seja obrigado a interromper sua apresentação no trampolim. Alguns desses casos ocorrem quando o atleta não consegue realizar a aterrissagem com os dois pés simultaneamente ou aterrissa com outra parte do corpo que não aquelas que caracterizam a aterrissagem frontal, sentada ou de costas; quando os elementos da série não são executados em uma sequência ininterrupta; quando um elemento é realizado de forma incompleta; ou quando o ginasta sofre uma queda do aparelho. 
Quando há uma interrupção na execução da série, os árbitros avaliam somente as acrobacias que o trampolinista concluiu até o momento da interrupção, não sendo possível reiniciar ou continuar a apresentação.
DANIEL COOMBER - FLICKR
Palavras Relacionadas
Cenários Relacionados